Os dez passos para você planejar e alavancar uma carreira de sucesso – Passo 7 de 10 – Fazer além do Exigido e Esperado

Facebookgoogle_pluslinkedin

 

Olá Pessoal!

Para quem não sabe, resolvi escrever “Os Dez passos para você planejar e alavancar uma carreira de sucesso”.

A ideia foi apresentar táticas para conseguir uma promoção no trabalho.

Hoje vamos falar do sétimo passo: Fazer além do Exigido e Esperado”.

Nos dias atuais é importante concentrar-se em fazer o melhor que puder em seu cargo atual. Porém, pessoas que se destacam e conseguem promoção são aquelas que fazem “além do que foi solicitado”, ou seja, a pessoa entrega mais do que é exigido/esperado. Profissionais com este perfil são infelizmente raros de serem encontrados. Se você não é percebido como alguém que excede as expectativas, repense suas atitudes e procure ajustar-se.

É claro que não existe um profissional 100% ideal e que agrade a todas as empresas. As vezes um profissional se adapta bem em uma empresa/cultura e não muito em outra. De qualquer forma, algumas qualidades costumam ser mais requisitadas pelo mercado, e “fazer além do exigido e esperado” é uma delas, além de ser uma característica determinante quando fala-se em promoções.

Você se considera realmente um profissional que entrega além do que é esperado? Reflita bem. Muitas vezes pensamos que estamos verdadeiramente entregando mais, porém é importante lembrar que este algo a mais precisa necessariamente estar alinhado com as expectativas da empresa e também do seu gestor. Talvez se você está fazendo algo a mais, mas o seu gestor desconhece, vai ser difícil você transmitir à ele esta imagem de quem verdadeiramente entrega mais.

Dentro do processo de ser reconhecido profissionalmente, é preciso também demonstrar que está pronto para ir mais longe. Se houver prazos estabelecidos, dedique-se em entregar o que foi combinado com antecedência. Isso é considerado fazer além do exigido.

Procure melhorar os processos atuais, sempre é possível. Por alguma razão, acabamos nos acostumando e não questionamos os processos atuais. Propor mudanças que tornem o processo mais eficiente vai torná-lo um profissional diferenciado.

Enquanto não consegue a sua promoção, é realmente “crucial uma dedicação incansável”. Realize o seu melhor e da melhor forma possível. Procure ser um profissional que não falta por motivos simples. Chegue um pouco mais cedo e também saia um pouco mais tarde. Não estou sugerindo chegar mais cedo ou sair mais tarde “apenas” para mostrar que você “está presente”, mas sim que você esteja presente quando a empresa necessitar.

Resumo: esteja sempre disponível quando a empresa precisar! Novamente: não estou sugerindo ser uma atitude apenas interesseira, mas sim uma preocupação de quem verdadeiramente quer “fazer além do esperado”. Temos também que ter bom senso, trabalhar “como um louco” não é nada inteligente e não é isto que estou sugerindo. A recomendação é apenas uma disponibilidade para quando a empresa precisar, isso não pode e não deve virar rotina. Trata-se de equilíbrio e bom senso.

O ditado que diz “10% inspiração e 90% transpiração”, faz sentido neste contexto. Quem procura ser promovido precisa sim se dedicar e possuir uma produtividade acima da média. A frase da moda é “alta performance”, mas podemos traduzir para “produtividade acima da média”. Procure números e formas de mensurar sua performance, assim os números e os resultados falarão por você. Lembre-se que o talento não será suficiente, você precisará sim de uma boa dose de dedicação, transpiração, além de trabalho árduo e muito profissionalismo.

Talvez até exista alguns casos, em que a pessoa é promovida sem estas atitudes, mas ela não vai longe e pode ter certeza que terá uma carreira curta ou ficará pulando de “galho em galho”. Entendo que é melhor se dedicar e construir uma reputação verdadeira que vai assegurar promoções contínuas. Além de uma imagem positiva com os colegas, que também garantirá uma boa rede de relacionamentos.


Entendo que “fazer além do esperado” é em alguma medida se afastar um pouco da zona de conforto. Muitas vezes podemos nos acomodar e isso não é bom. Quando deixar a zona de conforto, você criará situações para demonstrar todo o seu potencial.

Existem empresas que chamam o que coloquei como: “fazer além do esperado” de “vestir a camisa”, no fundo os termos podem ser diferentes, mas o conceito é o mesmo. Dedicação!

Por outro lado existem funcionários que não demonstram interesse pelos vários aspectos que envolve o seu trabalho, e isso é um erro. É preciso entender e se interessar pelo seu trabalho em si, bem como suas responsabilidades e transmitir confiança à organização e aos seus colegas além do seu gestor.

E você, faz além do esperado?

Deixe seu comentário!

Um abraço,

Vida que segue,

Jeferson Peres.

Facebookgoogle_pluslinkedin

2 Comentários


  1. Isto me fez lembrar de nossas conversas debaixo daquela árvore junto com nosso amigo Edles. Fazer somente o que se pede é “ficar na média” que em outras palavras significa ser medíocre (palavra que vem de médio).
    Estou 100% de acordo, vamos fazer a diferença, pois os hábitos profissionais serão refletidos em nossa vida pessoal.

    Responder

    1. Bons tempos! Boas reflexões!
      Todas as mudanças influenciam em nossas vidas (pessoal&profissional) é difícil separar. Melhorar qualquer aspecto traz impacto em ambas as dimensões. Grande abraço.

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *