Sobrecarregado? O que fazer quando se sentir exageradamente ocupado

Facebookgoogle_pluslinkedin

 

Vou apresentar 5 estratégias para recuperar o equilíbrio quando estamos no meio de uma temporada movimentada e nos sentindo excessivamente sobrecarregado. Afinal, quem já não passou por um período turbulento?

As vezes o ritmo torna-se muito acelerado e nos sentimos exaustos, confusos e porque não dizer desesperados?

Posso assegurar que a maioria das pessoas não gosta de trabalhar desta forma. Porém, a culpa é nossa mesmo! Acredite. Nós permitimos que a situação alcançasse este estágio.
Não seria completamente ruim se ao percebermos esta situação, trabalharmos para virar o jogo e voltar a uma rotina um pouco mais equilibrada.

Uma pergunta antes de avançarmos: você já se encontrou em uma situação onde possui muito trabalho e pouco espaço para reprogramações? Com certeza a resposta é sim, e isso pode ocorrer de tempos em tempos, porém, é necessário uma grande dose de coragem, planejamento e atitude para transformar esta situação.

Proponho abaixo 5 passos para reencontrar o equilíbrio. Posso assegurar que será muito útil a aplicação destas dicas. Vamos lá?

1- Aceitar a responsabilidade. Se não reconhecermos que temos um problema e que o mesmo é responsabilidade nossa, dificilmente poderemos mudá-lo. Precisamos parar de nos olharmos como vítimas, até porque este tipo de pensamento é limitante e nos torna impotente para mudar qualquer situação. Temos que fazer boas escolhas e optar em dizer não para algumas coisas. Pedir apoio para outras pessoas e até renegociar (eventualmente) algum prazo/compromisso é válido. Sejamos responsáveis!

2- Revise sua agenda. Muitas vezes somos literalmente arrastado para reuniões e assuntos que talvez não sejam necessário/mandatório a sua presença. É importante manter nossos compromissos, mas isso não obrigatoriamente significa que não possam ser realizadas alterações e concessões. Isto pode inclusive abrir espaço para um descanso necessário e para recarregar as energias. Pensar em delegar ou solicitar apoio também deve ser uma saída a ser considerada. Revise à agenda.

3- Opte pela mudança. Procure descansar e recuperar as perspectivas. A mudança principal é incluir uma margem de segurança em suas atividades/agenda, do contrário dificilmente você sairá do ritmo atual e se sentirá cada vez mais ocupado e esgotado. A medida que for colocando margem e se reorganizando de uma forma geral, você será tomado por uma sensação de alívio. Porém, a única pessoa que pode fazer isso é você mesmo. Resumo: trabalhe deliberadamente para construir margens que permitam ter uma vida menos ocupada. Mude!

4- Preserve uma perspectiva positiva. Estamos falando apenas de uma fase, ela vai passar. Como tudo na vida, as coisas possuem um começo, um meio e um fim. Converse com as pessoas e fale sobre a angustia que sente, respire fundo, e reconheça que esta fase vai passar. Não vai ser fácil, mas seja realista e procure perceber coisas boas nestas situações e procurar maximizar os aprendizados. Não se frustre consigo mesmo e mantenha-se positivo.

5- Sem preocupações exageradas. Não adianta pensar em inúmeras atividades. Concentre-se no que definiu como importante/prioridade do momento e realize a tarefa. Preocupar-se com tudo que precisa ser realizado não é nada produtivo e em alguns casos acaba nos deixando mais ansiosos. A cada dia uma batalha. Resumo: foco nas prioridades, e sem preocupações com os demais itens.

Procure seguir estas cinco táticas quando se sentir sobrecarregado. Ao longo do tempo você perceberá que seguindo estas estratégias dificilmente se sentirá sobrecarregado.

Deixe seu e-mail abaixo e receba artigos e dicas imperdíveis para ter sucesso pessoal e profissional! É gratuito!

A prática de avançar nestas táticas permitirá um aprimoramento. Digo isso por experiência. Sim, você se sentirá esgotado, mas automaticamente você perceberá e saberá antecipadamente o que precisa ser feito.

Um abraço,

Vida que segue.

Jeferson Peres.

Facebookgoogle_pluslinkedin

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *